O LAFRONT corresponde ao Laboratório de Pesquisa do Grupo “Fronteiras, Estado e Relações sociais”, sediado na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Entre os seus objetivos encontra-se a elaboração e a execução de projetos de pesquisa, ensino e extensão, a avaliação de políticas públicas, a elaboração de projetos de intervenção social, a organização, a publicação e a divulgação dos resultados de pesquisas científicas. O grupo concebe as fronteiras como uma categoria analítica cujos conteúdos remetem para os sentidos de regiões de encontros e conflitos entre diferentes perspectivas civilizatórias (onde se guardam possibilidades societárias, econômicas e políticas múltiplas). Assim, combina os sentidos de uma história política entre Estados Nacionais, com as percepções mais locais ou regionais, relacionadas com as representações, as experiências vividas e as interações entre as populações das regiões fronteiriças. Para a realização dos objetivos propostos, desenvolve projetos individuais e coletivos de pesquisa, mantém um grupo de estudos permanente, alimenta o Observatório das Fronteiras Brasileiras (com reportagens, artigos e demais publicações sobre a temática) e desenvolve o projeto Diálogos, onde busca uma interação constante com a sociedade civil organizada. É um grupo aberto a adesão de novos membros, bem como para o estabelecimento de intercâmbios e cooperações nas suas áreas de atuação.

Colóquio Internacional

Evento regular que tem como principal objetivo a atualização das discussões do grupo de pesquisa e o estabelecimento de novas redes de investigação por meio da presença de pesquisadores brasileiros e estrangeiros, que são convidados a expor o resultado de suas pesquisas, a ministrar cursos de curta duração e, principalmente, conversar sobre suas atividades e sobre suas instituições de origem. Além disso, o colóquio vem se configurando como um dos momentos de apresentação dos estudos realizados pelos membros do próprio Laboratório de Pesquisa em Fronteiras, Estado e Relações Sociais. Os anais do evento encontram-se disponíveis em em suas respectivas edições.

Oficinas de Fontes

As oficinas de fontes correspondem a atividades empíricas e educativas realizadas no laboratório de pesquisa, buscando a realização de trocas de experiências sobre as vivências e as práticas de trabalho de campo, leituras e discussões de textos metodológicos e, principalmente, exercícios constantes de análises de fontes documentais. Neste sentido, as oficinas correspondem a um importante espaço de formação acadêmica e de preparação dos investigadores para as diferentes situações que podem surgir durante as pesquisas realizadas.

Especialização em Planejamento Municipal, Políticas Públicas, Fronteiras e Desenvolvimento

O objetivo do curso é fornecer conhecimentos e ferramentas que possibilitem os estudantes avaliarem e elaborarem políticas públicas, observando as especialidades, problemas e potencialidades que marcam os territórios fronteiriços. O curso é oferecido na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE) e é direcionado para gestores públicos, membros da sociedade civil organizada e demais interessados em estudos fronteiriços. Para maiores informações, escrevam para o e-mail cchstow@gmail.com

Observatório LAFRONT

O observatório do Laboratório de Pesquisa em Fronteiras, Estado e Relações Sociais tem como objetivo criar e organizar um arquivo virtual de notícias referentes as fronteiras brasileiras publicadas nos periódicos online disponíveis na internet. Entre suas ações, busca-se disponibilizar para o público geral um arquivo organizado e produzir um informativo com uma síntese dos principais fatos ocorridos em determino período de tempo. O esforço é publicizar o que ocorre em nossas fronteiras, ao mesmo tempo em que garantimos a produção de fontes de pesquisa e a iniciação de novos pesquisadores. Além disso, o observatório também se apresenta como um espaço para divulgação dos estudos realizados no país sobre a temática.

IMAGEM DO BLOG DO OBSERVATORIO.jpg

Diálogos

Os Diálogos tem como objetivo criar um ambiente de reflexão sobre as relações existentes entre as diferentes dimensões da vida social nas regiões de fronteira, fomentando um espaço de discussão acadêmica em conjunto de múltiplos agentes sociais. Em síntese, busca-se o estabelecimento de conversas sobre problemas significativos das populações fronteiriças, fortalecendo os vínculos entre a universidade, os diferentes dispositivos do estado e a sociedade como um todo.

© 2023 por Consultoria estratégica. Orgulhosamente criado por Wix.com