LIVROS

CARDIN, Eric Gustavo; CAMAL-CHELUJA, Tania Libertad; ARRIAGA-RODRIGUEZ, Juan Carlos. Fronteiras e Dinâmicas Fronteiriças en América Latina. Chetumal/México: UNQroo, 2015.

 

COLOGNESE, Silvio Antônio; CARDIN, Eric Gustavo. As Ciências Sociais nas Fronteiras: Teorias e Metodologias de Pesquisa. Cascavel: JB, 2014.

 

FAISTING, ANDRÉ L.. Representações da Violência e da Punição na Justiça Informal Criminal. Dourado: Editora da Universidade Federal da Grande Dourados, 2009.

TESES

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Fronteiras em movimento e identidades nacionais: a imigração brasileira no Paraguai. Tese (Doutorado em Sociologia). UFC: Fortaleza, 2005.

 

CARDIN, Eric Gustavo. A Expansão do Capital e as Dinâmicas das Fronteiras. Tese (Doutorado em Sociologia). UNESP: Araraquara, 2011.


DORFMAN, Adriana. Contrabandistas na fronteira gaúcha: escalas geográficas e representações textuais. Tese (Doutorado em Geografia). UFSC: Florianópolis, 2009.

FIOROTTI, Cíntia. História de trabalhadores e do trabalho na fronteira Brasil-Paraguai (1960-2015). Tese (Doutorado em História). UFU: Uberlândia, 2015.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. As mortes violentas na tríplice fronteira : números, representações e controle social : estudo comparativo entre Brasil, Paraguai e Argentina. Tese (Doutorado em Sociologia). UFRGS: Porto Alegre, 2016.

MOREIRA, Julio da Silveira. Violência contra migrantes em trânsito pelo México. Tese (Doutorado em Sociologia). UFG: Goiás, 2014.

RENOLDI, Brígida. Os vãos esquecidos: experiências de investigação, julgamento e narcotráfico na fronteira argentino-paraguaia. Tese (Doutorado em Sociologia e Antropologia). UFRJ: Rio de Janeiro, 2007.

DISSERTAÇÕES

CARDIN, Eric Gustavo. Sacoleiros e Laranjas na tríplice fronteira: uma análise da precarização do trabalho no capitalismo contemporâneo. Dissertação (Mestrado em Sociologia). UNESP: Araraquara, 2006.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. Homicídios na fronteira internacional entre o Brasil e o Paraguai: considerações sobre Foz do Iguaçu e a Região Metropolitana da Cidade do Leste. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais). UNIOESTE: Toledo, 2012.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. Análise espacial dos homicídios nos municípios do Estado do Paraná. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio). UNIOESTE: Toledo, 2009.

ARTIGOS

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Identidades em territórios de fronteira: os casos de Ceuta e Gibraltar na fronteira entre a África e a Europa. CIVITAS: REVISTA DE CIÊNCIAS SOCIAIS (IMPRESSO), v. 18, p. 285-302, 2018.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Identidades nacionais na fronteira entre Portugal e Espanha. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 23, p. 129-138, 2016.

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho; PAIVA, Juiz Fábio. Entre nações e legislações: algumas práticas de 'legalidade' e 'ilegalidade' na tríplice fronteira amazônica. Revista Ambivalências, v. 3, p. 85-114, 2015.

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Migração, circulação e cidadania em território fronteiriço: os brasiguaios na fronteira entre o Paraguai e o Brasil. Revista Tomo, v. 1, p. 97-122, 2015.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. A produção das fronteiras nacionais no telejornalismo brasileiro: análise de algumas séries especiais de reportagem sobre as fronteiras do Brasil. Segurança, Justiça e Cidadania: Pesquisas Aplicadas em Segurança Pública, v. 4, p. 53-70, 2014.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Fronteiras múltiplas e paradoxais. Textos e Debates (UFRR), v. 22, p. 71-88, 2013.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Limites e paradoxos da cidadania no território fronteiriço. Geopolitica(s): revista de estudios sobre espacio y poder, v. 3, p. 185-205, 2012.

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Fronteiras das nações: sentidos e situações na raia luso-espanhola. Cadernos Ceru (USP), v. 23, p. 63-80, 2012.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Fronteiras da civilização e da nação em Domingo Sarmiento e Euclides da Cunha. Tempo Brasileiro, v. 184, p. 209-230, 2011.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. As fronteiras ibero-americanas na obra de Sérgio Buarque de Holanda. Análise Social, v. XLV, p. 329-351, 2010.

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Conflito e integração nas fronteiras dos 'brasiguaios'. Caderno CRH (Online), v. v.23, p. 579-590, 2010.

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. A dinâmica das fronteiras: deslocamento e circulação dos 'brasiguaios' entre os limites nacionais. Horizontes Antropológicos (UFRGS. Impresso), v. 15, p. 137-166, 2009.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Olhares e narrativas de fronteiras:imagens dos limites territoriais e simbólicos do Brasil. Revista de Ciências Sociais (Fortaleza), v. 40, p. 20-30, 2009.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Fronteiras e identidades em movimento: fluxos migratórios e disputas de poder na fronteira Paraguai-Brasil. Cadernos CERU (USP), v. 19, p. 49-64, 2008.

 

ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho. Identidades múltiplas e estratégias de cidadania na fronteira Paraguai-Brasil. RILA. Revista de Integração Latino-Americana, v. vol 4, p. 199-213, 2007.

 

ALVES, Gustavo Biasoli. Discurso Parlamentar, Democracia, Participação e Representação: um estudo de caso na Tríplice Fronteira. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 16, p. 93-111, 2009.

ALVES, Gustavo Biasoli; PEREIRA, Milene; ARANTES, Marco. O Movimento Soberanista Rural no Paraguai e a Busca Pela Soberania Alimentar. In: VII Simpósio Sobre Reforma Agrária e Questões Rurais: 30 anos de assentamentos na Nova República: que agricultura e que sociedade queremos?, 2016, Araraquara. Anais do VII Simpósio Sobre Reforma Agrária e Questões Rurais: 30 anos de assentamentos na Nova República: que agricultura e que sociedade queremos?. Araraquara: Uniara, 2016. v. 1. p. Pub. eletrônica-Pub. eletrônica.

BAUMGRATZ, Deise; CARDIN, Eric Gustavo. O regime de maquila e suas implicações no México: perspectivas para o modelo adotado no Paraguai. Revista Estudios Internacionales,  192, 2019. DOI: 10.5354/0719-3769.2019.52818

CARDIN, Eric Gustavo; MANICA, Carmem Aparecida. Identidades e fronteiras étnicas no processo de inserção dos imigrantes haitianos no município de Cascavel/PR. Revista Videre, Dourados/MS, v. 11, n. 21, p. 12-38, jan./jun. 2019.

 

CARDIN, Eric Gustavo. Estado, trabalho e capitalismo nas fronteiras. Revista Katálysis, Florianópolis, v. 21, n. 2, p. 305-312, maio/ago. 2018.

 

CARDIN, Eric Gustavo. Os trabalhadores paraguaios nas cidades fronteiriças do Brasil. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 25, n. 18, 2018. P. 111-120.

CARDIN, Eric Gustavo. Segurança e desenvolvimento nas regiões de fronteira. In: PINASSI, Maria Orlanda (Org.). Dimensões da Miséria Desenvolvimentista. São Paulo: Alameda, 2017.

​CARDIN, Eric Gustavo; DORFMAN, Adriana. Estratégias espaciais do ativismo em condição fronteiriça no Cone Sul. In: Cuadernos de Geografía: Revista Colombiana de Geografía, Vol. 23, Núm. 2, 2014.

 

CARDIN, Eric Gustavo. ​​Ituzaingó não é Winston Parva ou como os permanentes se tornam outsiders. In: Revista Ambivalências, v. 04, n. 08, 2016.

CARDIN, Eric Gustavo. As dinâmicas das fronteiras e as vítimas de homicídios em Foz do Iguaçu, PR (2001-2010). Século XXI - Revista de Ciências Sociais, v. 3, p. 155-181, 2013.

 

CARDIN, Eric Gustavo. La historia de una vida en situación de frontera: migración, superación y trabajo en el 'circuito sacoleiro', v. 48, p. 100-109, 2013.

​​​​CARDIN, Eric Gustavo; TORRES, Aline Simão Barroso. As expressões da fronteira na produção musical de Foz do Iguaçu/PR: explorando outras fontes para o estudo do sujeito fronteiriço. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 1, p. 175-200, 2013.

 

CARDIN, Eric GUSTAVO. Trabalho e práticas de contrabando na fronteira do Brasil com o Paraguai. Geopolitica(s): revista de estudios sobre espacio y poder, v. 3, p. 207-234, 2012.

CARDIN, Eric Gustavo. A expansão agrícola e a formação das identidades: os 'brasiguaios' na fronteira entre o Brasil e o Paraguai. Perspectiva Geográfica, v. 06, p. 01, 2011.

CARDIN, Eric Gustavo. Os Trabalhadores das Vias Públicas de Ciudad del Este: considerações preliminares sobre os mesiteros e suas associações. Revista eletrônica história em reflexão (UFGD), v. 04, p. 01-17, 2010.

CARDIN, Eric Gustavo. Expansão do Capital e Desenvolvimento Regional: Foz do Iguaçu entre o Legal e o Ilegal. Ideação (Unioeste. Impresso), v. 12, p. 101-117, 2010.

CARDIN, Eric Gustavo. História Oral, Conversas Qualificadas e o Mundo dos Trabalhadores. História na Fronteira, v. 02, p. 07-21, 2009.

CARDIN, Eric Gustavo. Globalização e desenvolvimento regional na Tríplice Fronteira. Ciências Sociais Unisinos, v. 45, p. 162-170, 2009.

CARDIN, Eric Gustavo; ALBUQUERQUE, José Lindomar Coelho de. Fronteiras e Deslocamentos. Revista Brasileira de Sociologia, v. 06, n. 10, p. 114-131, 2018.

 

COLOGNESE, Silvio. Antonio. Brasiguaios: uma identidade na fronteira Brasil/Paraguai. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 19, p. 32-46, 2012.

COLOGNESE, Silvio Antonio; CARDIN, Eric Gustavo. Relações de poder e os sujeitos consumidores de agrotóxicos na faixa de fronteira do Brasil. Revista TEMPO DA CIÊNCIA, Toledo, v. 25. n. 50, jul. / dez. 2018, p. 11-24.

 

COLOGNESE, Sílvio Antonio. Gerações, fronteiras e italianidade no sul do Brasil. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 18, p. 36-54, 2011.

DORFMAN, Adriana; FRANÇA, ARTHUR BORBA COLEN ; FRANÇA, RAFAEL FRANCISCO . Political Commodities and Sovereignty Management: Cigarette Smuggling across Brazil s Southern Borders. Geopolitics, v. 22, p. 1-24, 2017.

 

DORFMAN, Adriana. Provocações do contexto, interiorização universitária e agendamento institucional: tendências dos Estudos Fronteiriços no Brasil. Revista Tempo da Ciência, v. 23, p. 1-157, 2016.

 

DORFMAN, Adriana. “Pequenas pontes submersas”: interpretações geográficas e antropológicas de literaturas de contrabando. Bol. Mus. Para. Emílio Goeldi. Ciências Humanas, Belém, v. 3, n. 1, p. 93-114, jan.-abr. 2008.

DORFMAN, Adriana; FRANÇA, Arthur Borba. Espaço e segurança pública na fronteira gaúcha. Revista Geonorte, v. 7, p. 1095-1115, 2013.

DORFMAN, Adriana; FRANÇA, Arthur Borba; SOARES, Guilherme de Oliveira. Marcos legais e redes de contrabando de agrotóxicos: análise escalar a partir da fronteira Brasil-Uruguai. Terr@ Plural (UEPG. Online), v. 8, p. 37-53, 2014.

 

DORFMAN, Adriana; FRANÇA, Arthur Borba Colen ; CORSEUIL, Luciana. A expansão e a repressão por imagens: uma discussão situada na fronteira Brasil-Uruguai. Terra Livre, v. 40, p. 43-64, 2014.

 

DORFMAN, Adriana. Contrabando: Pasar es la respuesta a la existencia de una frontera, burlar es el acto simétrico al control. Aldea Mundo, v. 20, p. 33, 2015.

 

FAISTING, André L. Representações da Violência na Fronteira: um estudo a partir das regiões da Grande Dourados (MS) e do Oeste Paranaense (PR). Revista de Ciências Sociais, v. 49, n. 03, p. 131-174, 2018.

 

FAISTING, André L.; CARBONARI, W. . Representações da violência na fronteira: um estudo a partir de municípios da Grande Dourados, MS. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 23, p. 23-35, 2016.

 

FAISTING, André L.. Acesso à Justiça, Rotinização e Desconstituição dos Sujeitos: notas a partir da análise do filme 'Justiça'. Revista Videre (on line), v. 06, p. 80-92, 2014.

 

FAISTING, André L.. Alguns Desafios Teóricos e Conceituais à Abordagem Sociológica do Sistema de Justiça. Confluências (Niterói), v. 10, p. 185-206, 2009.

 

FAISTING, André L.. Violência Doméstica e Justiça Criminal: uma contribuição para o debate atual. Revista sociologia jurídica, v. 05, p. 00-000, 2007.

FIOROTTI, Cíntia; CARDIN, Eric Gustavo. “Patrões”, “pilotos”, “batedores”, “bandeirinhas” e o Estado: um estudo sobre o “contrabando” de cigarros na fronteira Paraguai-Brasil. Revista Latinoamericana de Estudios en Cultura y Sociedad, vol. 05, 2019. http://dx.doi.org/10.23899/relacult.v5i5.1612

FIOROTTI, Cíntia. Comerciantes, trabalhadores(as) e nacionalidades na fronteira entre Salto del Guairá-Canindeyú/PY, Guaíra-Pr/BR e Mundo Novo-MS/BR entre 1960 e 2018. TEMPO DA CIÊNCIA (UNIOESTE), v. 25, p. 46, 2018.

 

FIOROTTI, Cíntia. O viver e o sobreviver da fronteira Paraguai–Brasil: mercado, nacionalidade e trabalhadores. Revista de Ciências Sociais, v. 49, n. 03, p. 63-92, 2018.

 

FIOROTTI, Cíntia; CARDIN, Eric Gustavo. Dispositivos estatales, ilegalismos y prácticas sociales en la frontera Brasil-Paraguay (1890-2015). Revista Estudios Fronterizos, v. 19, n. 12, p. 1-19.

FIOROTTI, Cíntia. Os descaminhos na fronteira: Fiscais do Estado e Trabalhadores nos processos de apreensão de mercadorias na fronteira Brasil - Paraguai (1980-2015). Revista Ambivalências, v. 3, p. 85-114, 2015.

FIOROTTI, Cíntia; CARDIN, Eric Gustavo. Migrações paraguaias na faixa de fronteira do Brasil: identidades, circularidades e redes transnacionais. Século XXI: Revista de Relações Internacionais, v.7, p.53 - 71, 2016.

 

FIOROTTI, Cíntia. Migrações e mudanças no mundo dos trabalhadores a partir das trajetórias ocupacionais de trabalhadores em Guaíra-PR entre 1970 e 2010. Tempo da Ciência, v. 21, p. 33-44, 2014.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana; FAISTING, André Luiz. Trabalho de campo em regiões de fronteira: um relato a partir da experiência na “Pesquisa sobre Segurança Pública nos Municípios de Fronteira” – Ministério da Justiça/ENAFRON. Revista TEMPO DA CIÊNCIA, Toledo, v. 25. n. 50, jul. / dez. 2018, p. 25-35.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. As representações midiáticas sobre as mortes violentas na tríplice fronteira entre o Brasil, o Paraguai e a Argentina. Tempo da Ciência (UNIOESTE), 2018.

 

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. O que as políticas de controle para as fronteiras brasileiras e o projeto maquila do Paraguai tem em comum?. Século XXI: Revista de Relações Internacionais, v. 7, p. 111-130, 2016.

 

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana. Crimes transnacionais ou caráter punitivo? uma análise das mortes violentas por execução na Tríplice Fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina. Perspectiva Geográfica (Impresso), v. 11, p. 63-70, 2016.

KLEINSCHMITT, Sandra CristianaAs mortes violentas e as políticas de controle na Tríplice Fronteira. Tempo da Ciência (UNIOESTE), v. 23, p. 40-59, 2016.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana; CARDIN, Eric Gustavo; AZEVEDO, Paulo Roberto. A Tríplice Fronteira Internacional entre Brasil, Paraguai e Argentina: contexto histórico, econômico e social de um espaço conhecido pela violência e pelas práticas ilegais. Perspectiva Geográfica, v. 8, p. 1-22, 2013.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana; WADI, Yonissa; STADUTO, Jeferson. Análise espacial dos homicídios no Estado do Paraná. Redes (Santa Cruz do Sul. Online), v. 17, p. 257-290, 2012.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana; WADI, Yonissa; STADUTO, Jeferson. Criminalidade violenta e indicadores estruturais: avaliações da problemática dos homicídios. Prim@ Facie, v. 10, p. 217-252, 2011.

KLEINSCHMITT, Sandra Cristiana; WADI, Yonissa; STADUTO, Jeferson. Evolução Espaço-Temporal dos Homicídios no Estado do Paraná. Revista Brasileira de Estudos de Segurança Pública, v. 4, p. 16-27, 2010.

MOREIRA, Julio da Silveira. Método e estilo narrativo n'As Veias Abertas da América Latina. Revista Sures, v. 3, p. 112-118, 2015.

MOREIRA, Julio da Silveira. Migración de Tránsito en México: Violencia, Activismo, y Cambio Estructural. Encyclopedia of Consumer Culture, v. 14, p. 522-538, 2015.

RENOLDI, Brígida. Fronteras que caminan: relaciones y movimiento en la frontera tripartita de Argentina, Paraguay y Brasil. Revista Transporte y Territorio, v. 9, p. 123-140, 2013.

RENOLDI, Brígida. As continuidades do descontinuo: o trabalho policial e judicial em casos de narcotráfico na fronteira da Argentina com o Paraguai. Antropolítica (UFF), v. 28, p. 197-220, 2011.

RENOLDI, Brígida. El Olfato: Destrezas, experiencias y situaciones en un ambiente de controles de fronteras. Anuario de Estudios de Antropología Social, v. 3, p. 111, 2007.

RENOLDI, Brígida. Las pruebas del delito. Investigación y procesamiento del tráfico de drogas en la frontera Posadas-Encarnación, Argentina. Avá (Posadas), v. 6, p. 90-108, 2004.

SILVA, Kelly Cardoso. Mudanças estruturais das relações de fronteira em face da globalização. Revista Tempo da Ciência, v. 25. n. 50, jul. / dez. 2018, p. 36-45.

 

© 2023 por Consultoria estratégica. Orgulhosamente criado por Wix.com